Menu

 19 - 98139-8800

Jair Rodrigues afirmou que não tinha medo da morte: “Jesus sorri para mim”

09 MAI 2014
09 de Maio de 2014

Três semanas antes de morrer, o cantor Jair Rodrigues havia aberto as portas de sua casa para a reportagem da Revista Quem, falando sobre diversos assuntos, incluindo a morte.

Aos 75 anos de idade, um dos maiores cantores da música popular brasileira não se intimidou ao falar da sua fé, mostrando aos jornalistas um quadro de Jesus que ele sempre consultava.

“Ele sorri para mim”, disse Jair Rodrigues sobre a imagem de Jesus pregada na parede. O cantor afirmou que tinha muita fé e que sempre via Jesus sorrindo para responder suas preces.

Na entrevista, que será publicada na íntegra apenas na próxima semana, o cantor falou também que não tinha medo da morte. “Não tenho medo da morte. O cara pode estar bem e ‘pá’, cai. Morre. É o homem chamando.”

Mais de 15 dias depois o “homem o chamou”, Jair Rodrigues foi encontrado morto na manhã da quinta-feira (8) em sua casa, em Cotia na Grande São Paulo. A causa da morte foi um infarto agudo do miocárdio.

O velório aconteceu na Assembleia Legislativa de São Paulo e foi aberto para familiares, amigos e fãs. O enterro aconteceu nesta sexta no Cemitério Gethsêmani, no bairro do Morumbi, na capital paulista.

Voltar

Desde 2013 - Todos os direitos reservados ®
Rádio FAD